FOTO: REPRODUçãO

Por: Bruno Carvalho

Terra Nova: Genesis

Por Bruno Carvalho

Num futuro quase apocalíptico, a única esperança da humanidade é embarcar um seleto grupo de pessoas numa jornada épica em busca da salvação do planeta. Com esta sinopse, eu consigo me lembrar de um promissor piloto que se desenvolveu numa das melhores séries recentes da TV, Battlestar Galactica. Infelizmente, a ambiciosa, cara e problemática produção de Steven Spielberg (e mais uma penca de produtores creditados que passaram pela série e saíram) focou-se mais na criação de planos-sequência digitais e cenários grandiosos do que em um roteiro denso, inteligente e coeso. Em linhas gerais (afinal, é um piloto de duas horas), Terra Nova conta a história da família Shannon, que viaja 85 milhões de anos no passado para a era dos dinossauros com o objetivo de auxiliar um grupo de cientistas, biólogos, médicos, engenheiros e agricultores a recolonizar a Terra e evitar os erros que culminaram nas catástrofes globais que assolam o futuro.

Aí já temos o primeiro problema de Terra Nova: o paradoxo temporal, aquele elemento clássico da ficção científica que, dependendo como é utilizado, pode te proporcionar o novo LOST ou o novo Heroes. Convenientemente (ou não), os roteiristas simplesmente desistiram de ventilar esta possibilidade, pois, conforme, Maddy Shannon, a filha nerd adolescente do ex-policial e protagonista Jim Shannon, explicou em poucas linhas: “eles enviaram uma sonda ao passado e descobriram um outro ‘fluxo temporal’, que não altera o futuro”. Assim, descobrimos de forma rápida quase imperceptível que não foi uma “simples” viagem no tempo; eles também viajaram para um universo paralelo como o de Fringe, com a exceção de que a série criada por J.J. Abrams e cia. gastou um “tempinho” considerável desenvolvendo este conceito ao longo de pelo menos uma temporada e meia.

Com isso, o piloto de Terra Nova falha em estabelecer o próprio objetivo e o problema central abordado na série: a ideia é mudar o futuro e salvar o pessoal que ficou pra trás de alguma forma ou colonizar o passado remoto neste novo “fluxo temporal” e, assim que os dinossauros estiverem dizimados, fazer uma “baldeação” do resto da população pra lá? Pois é, mesmo com o excesso de diálogos expositivos do roteiro tratado dezenas de vezes, isso não ficou claro. E, ah, os dinossauros… Bem, criaturas CGI semi-fluorescentes e sem textura alguma que caminham pelos arredores do acampamento dos colonizadores deveriam soar ameaçadoras? De todos os problemas técnicos de Terra Nova, eles são os maiores (com o perdão do trocadilho). Mas o deslize dos [d]efeitos especiais até seria perdoável se o longo episódio piloto não gastasse tanto tempo focado em assuntos menores ou em frases de efeito sobre “corrigir os erros da humanidade”.

Boa parte do que poderia ser utilizado apresentando melhor os personagens, os conflitos e introduzindo o espectador neste novo mundo foi gasto com uma trama boba sobre adolescentes que fogem do perímetro para beber e arrumar confusão com os répteis até que os adultos precisam ser chamados – fomentando um conflito familiar efêmero entre os Shannon que vinha desde o “futuro” – e que fora logo resolvido ao fim do episódio. O fato é que todos em Terra Nova desempenham um papel padrão e engessado: o mocinho injustiçado e íntegro, o adolescente rebelde, passando pelo militar bronco (interpretado pelo ator Stephen Lang, que aqui reprisa seu personagem de Avatar, só que menos inspirado e mais bonzinho) aos “Outros” (sim, os mesmos de LOST), chamados de “peregrinos” ou “sixes”, desertores da sexta leva de colonizadores que possuem uma agenda própria.

O curioso é que os melhores momentos de Terra Nova foram justamente aqueles na Terra Velha, num futuro devastado, sem ar puro e comida fresca e com um rígido controle populacional. Até mesmo os aspectos técnicos como a ambientação e o design de produção seguiam uma linha mais caprichada e foi onde também tivemos os poucos momentos inspirados do roteiro. O drama não é um desastre total como as outras séries do Fall Season, pois é capaz de proporcionar um dosado entretenimento (especialmente com capítulos mais curtos), embora longe de ter um texto que mereça atenção ou uma repercussão mais aprofundada sobre política, questões sociais ou ecológicas. Isso é uma pena, pois os vários roteiristas, produtores e produtores executivos tinham um bom argumento em mãos e, nesta estreia, simplesmente não souberam explorá-lo em todo seu potencial. Tomara que a série cresça e supere este inflacionado piloto.

Terra Nova estreia no Brasil no próximo dia 10 de Outubro, às 22h, pelo canal FOX.

86 respostas para “Terra Nova: Genesis”

  1. Tourinho disse:

    Exatamente como falei, tava legal até a parte que voltam pro passado.

  2. Thiago Silva disse:

    Já tava na cara que iria ser um fiasco, não sei qual a novidade nisso.

  3. BiboTalk disse:

    poxa vida, tava botando fé! bem, me sobra mais tempo pra leitura…

  4. @AntonioVeras disse:

    Eu gostei muito, mas tenho que admitir que a volta ao passado deixou a desejar.
    O novo Planeta dos Macacos também teve muitas críticas negativas e acabou por se consagrar um grande sucesso.
    Vamos esperar para ver.

  5. Rauan Reis disse:

    Tem jogos que são tão bem feitos que parecem reais. Mas tbm tem séries que são tão mal feitas (em efeitos) que parecem jogos! rs

  6. gostei da critica..! Terra Nova ai vou eu , mesmo os dinossauros da familia dinossauro sendo melhores do que o da serie …

  7. mt legal a materia sobre Terra Nova, tao de parabens! concordo sobre os dinossauros, q é o maior erro tecnico entre os outros

  8. Lindelendil disse:

    Eu gostei.

    Tudo bem, que ks dinossauros são bem falsos, a história seguiu um curso muito rápido… Etc. Mas estamos falando do primeiro capítulo, muita coisa tem para acontecer. Aqueles símbolos escondem algo (tomara que mude o jogo de alguma forma) e o resto do povo que vai aparecer, tipo Lost, tomara que não seja uma cópia…

    Vamos lá, nota 8. Adoro o Spilberg, vamos ver como ele vai nos impressionar.

  9. Bruno Carvalho disse:

    Considerando Falling Skies, não espero mais nada de Spielberg na TV.

  10. André disse:

    Muito clichê! Pára né, cheio de olhares e falas mimimi. Antiquado demais o texto, mas a ideia da série é muito boa e acredito que possa render ainda. Só é preciso melhorar o texto, tá mais pra Malhação isso ae.
    Os efeitos não estão muito bons mesmo, apesar de toda a espera. Achei que viriam com tudo. Parque dos Dinossauros era MUITO melhor.
    A série tem a cara daqueles filmes de ação e efeitos especiais típicos de “Tela Quente”. Acho que o Spielberg tinha a ideia na mão e achou que num filme não caberia e decidiu fazer a série, e daí fez um filme no episódio piloto. o_O

    Bem mal usado “resolver” os problemas de pai e filho e até essa deles terem saído “out of the gates” e já conseguir voltar praticamente ilesos. Acho que dava pra pôr um baita gancho pro segundo episódio.
    Mas que seja, vamos aguardar a continuação.

    Ah, to na espera da crítica de Boardwalk Empire, que aliás, teve um ótimo primeiro episódio.
    Na minha opinião.

  11. Fábio Vieira disse:

    Concordo em tudo o que você falou Bruno, a trama no futuro foi muito melhor que a do passado, alias, falo passado, eu tava achando tão sem sal o piloto que nem percebi esse comentário, de que eles estão em uma outra realidade, o que também contradiz a garota-nerd, que fala do efeito borboleta.

    Outra coisa que não gostei em Terra Nova, o adolescente aborrecido com o pai, ora, o cara passa dois anos preso, pra proteger a irmã mais nova e ele fica com essa birrinha, de quem parecia ter sido abandonado pelo pai. Outro ponto grotesto, os dinossauros a prova de bala, e não faz o menor sentido ter toda a plantação FORA da área cercada.

    O Davi disse que esse piloto custou 20 milhões de dólares, Lost com metade fez muito mais e com certeza Fringe, deve ter menos dinheiro ainda e tem efeitos muito bons.

    Terra Nova pode até vir a melhorar, pois diferente de Falling Skies, esse eu aguentei ver o piloto todo, diferente de Falling, que só aguentei 20 minutos, mas mesmo assim, Terra Nova não será minha prioridade, pois acredito que não dure tanto.

  12. lodisval disse:

    Depois desse fall season estou propenso a diminuir minhas expectativas para estréias de novas séries. Aparentemente os roteiristas insistem em reciclar cliches exaustivamente explorados e ainda tentam amarra-los de forma rápida e intensa transformando tudo num resumo de poucas palavras onde tudo parece meio fast-forward. O sucesso de The killing e sua trama até exageradamente lenta parece que não ensinou nada a ninguém. As TVs já estão repletas de séries medianas e as poucas que merecem uma chance nesse fall season não passam disso. É lamentável.

  13. Davi Garcia disse:

    O maior mistério para mim é entender como os caras conseguiram gastar 20 milhões de dólares num Piloto que: usa atores bem medianos para interpretar os personagens teoricamente mais importantes, abusa do croma key mal feito em vários planos e nos apresenta dinos saídos de um game ruim. Sei não, mas acho que alguém da produção aplicou um belo golpe na Fox…

    Dito isso, reforço o comentário que fiz no twitter: a ideia central da série é boa, o problema é a execução bagunçada que ‘ignorou’, pelo menos nesse Piloto, a elaboração de um bom roteiro que apresentasse a história e fizesse com que nos importemos com aqueles personagens. Não desisti de Terra Nova ainda, mas estaria mentindo se dissesse que esse Piloto não me decepcionou.

  14. Adolfo Brás disse:

    Fico impressionado como, ultimamente, as pessoas estão julgando todas as possibilidades de um seriado apenas pelo piloto dele… Foram 1 hora e 20 de episódio, de um roteiro coeso com a primeira proposta dele, que era mostrar que Terra Nova não é o Paraíso que muitos pintavam ser quando ainda estavam no “futuro”… É um lugar de imensas possibilidades, mas que traz problemas, assim como qualquer lugar que tenha a humanidade possa trazer…

    Também não afirmo com tanta certeza que o problema familiar já foi resolvido… Naquele instante o filho ficou grato ao seu pai, sem dúvida, mas achar que em um único evento resolveu-se todo o um problema de dois anos, também é achar demais… Não tenho dúvidas de que em episódios vindouros o conflito se fará presente novamente…

    Menos má vontade seria interessante…

  15. Fábio Vieira disse:

    Eu criticava ferrenhamente Fringe e seus dois pilotos, o que vazou e o oficial (com cenas modificadas), mas via potencial nela, pois era sombria, com ótimos efeitos e personagens. Criticava também seus primeiros episódios, mas depois a série só melhorou e hoje ela é uma das, se não a minha série favorita de todas que acompanho, e olha que acompanho muitas. Star Wars Clone Wars é outro exemplo, começou super infantil (ainda tem algumas partes assim), com efeitos ruins, animação capenga, texturas mal feitas e pensei em desistir, mas depois de alguns episódios, essa melhorou drasticamente, tanto na animação quanto nas histórias e hoje é uma série infantil-adulta (se é que esse termo existe).

    O problema é que hoje, não temos mais aquela vontade de nos empenharmos em uma série com um piloto fraco, imaginando que ela poderá melhorar e não ser cancelada, hoje tudo é motivo para cancelar uma série, como um amigo disse, se Arquivo-X fosse feito hoje, não passaria dos 13 episódios. Exemplos de pilotos excelentes e séries fracas, pra que melhor que Flash Foward? que todo mundo ficou maluco com o piloto? (eu inclusive), mas que a série ficou tão ruim, tão fraca, que muitos desistiram após poucos episódios? (eu inclusive) e o que falar de Heroes? piloto excelente, primeira temporada excelente, season finale fraquíssimo e cheio de buracos, e dai, só pra pior? e tinha um grande potencial e durou muito, até hoje ninguém sabe como durou tanto.

    Terra Nova pode ter coerência na relação do falso paraiso, mas é totalmente incoerente com relação ao assunto viagem no tempo, se é pra criar uma nova civilização, porque então não trazem logo todos os cidadãos? aos poucos? e não um punhado de pessoas? ser humano é ser humano.

    Infelizmente escolher uma série achando que ela irá durar é uma loteria, e eu não estou mais disposto a apostar nisso, pois já perdi muito em séries ótimas que não agradaram a todos.

    Assim como o Davi, não desisti de Terra Nova, mas como disse, ela não será minha prioridade. Person of Interest me atraiu mais.

  16. Fábio Vieira disse:

    Ah, só complementando, será que realmente precisavam colocar essa intriga entre pai e filho? isso pra mim é tão, mas tão clichê e torna a série muito chata. Fora o lance dos adolescentes problemáticos que saem da fortificação pra beber? putz …

  17. Geison disse:

    Curti o review

    Eu assisti com mente aberta, depois de Falling Skies eu procuro me divertir mais e não ficar reparando tanto, mas espero que melhor, pq tem coisas q não passam desapercebidas.

  18. Maurilio disse:

    De forma geral gostei da série. Claro que comete erros, principalmente se lembrarmos dos muitos milhões que foram gastos na produção de seu piloto. Os dinossauros realmente ficaram ruins, principalmente aqueles do ataque ‘OTG’ na segunda metade do episódio, dependendo do ângulo nem pareciam dinos.
    Pela ação, pelo “potencial futuro” do roteiro e por me ‘prender’ por mais de 1 hora na frente da TV, dou nota 7,5 – Bom.

  19. Geison disse:

    Fábio Vieira

    concordo contigo, a questão da viajem temporal pra mim até desceu, mas essa questão de adolescente birrento não

  20. Bruno Carvalho disse:

    Adolfo, o piloto de uma série precisa vendê-la a todo custo, assim como os primeiros minutos de um filme. Se o piloto falha em todos os aspectos abordados na review, já é uma indicação de que a série seguirá com estes problemas. Não se trata de “má-vontade”, mas de uma análise objetiva do piloto, com tudo que foi apresentado. Se a série teve problemas, troca de produtores, diversos tratamentos de roteiro e atrasos, não podemos simplesmente relevar o que está na tela em vista disso.

    Como falo em toda análise de piloto, se a série apresentar melhora considerável, seremos os primeiros a vir aqui e consignar tudo isso.

  21. Igor disse:

    Achei Terra Nova um Falling Skies melhorado. Não, isso não é um elogio

  22. Adolfo Brás disse:

    Acho que isso tudo é uma questão de visão… No meu entender, mesmo apresentando falhas, o episódio Genesis fez uma boa introdução do que teremos na série… Muita coisa ainda está para rolar e não vou ficar julgando o seriado inteiro apenas pelo piloto como muitas pessoas estão fazendo… O potencial está aí…

  23. Adolfo Brás disse:

    Acho engraçado as pessoas criticarem os efeitos… 10 milhões de dólares não fazem CGI’s como os de Avatar, que custo 240 milhões…

  24. Davi Garcia disse:

    Adolfo, mas ninguém está julgando o seriado inteiro como você disse, até porque, por enquanto, isso é impossível. Reforçando o que o Bruno já disse, a análise é feita em cima do que o episódio Piloto mostra e infelizmente a primeira impressão que a série deixa é negativa. Isso no entanto não invalida a boa ideia que a alimenta. É por ela, vale mencionar, que ainda darei (e acredito que outras pessoas também darão) outra chance à Terra Nova.

  25. Bruno Carvalho disse:

    20 milhões foi o orçamento do piloto.

  26. Davi Garcia disse:

    Hum, curioso que Fringe, por exemplo, consegue SEMPRE apresentar bons efeitos tendo um orçamento infinitamente inferior. Só o $ não basta, tem que saber usar.

  27. Maurilio disse:

    Muito se compara com Falling Skies, mas apesar de ambas terem Steven Spielberg por trás, possuem propostas diferentes, ou pelo menos com focos bem diferentes. Enquanto em Terra Nova busca-se salvar a humanidade dos atos das próprias pessoas, em Falling Skies o inimigo vem de fora e busca-se do 1º ao último episódio exaltar o típico herói americano, aquele que lutou contra os britânicos e contra o mundo ao longo de sua história.
    Assim, por Terra Nova ter essa proposta mais “global”, acredito que possa fazer sucesso com a crítica mundial, diferente de Falling Skies que obteve boas avaliações dentro dos EUA e não foi muito bem recebida aqui no Brasil.

  28. Adolfo Brás disse:

    Desculpe, mas fazer seres completos em CGI é bem mais complexo do que os efeitos de Fringe…

    Quanto ao orçamento do piloto, a última notícia que tinha lido era de 10 milhões… Foi o dobro… Ok… Mesmo assim, continuo não achando tão ruim assim os CGI’s… Não foram perfeitos, sem dúvida, mas não foram essa “porcaria” que muitos estão pintando…

  29. Adolfo Brás disse:

    Davi Garcia, fico feliz que vcs darão novas oportunidades à Terra Nova, pois creio que muito ainda há a se desenvolver no seriado… A grande questão é saber como o público norte-americano responderá ao seriado com a audiência do segundo episódio…

  30. Adolfo Brás disse:

    Falling Skies tb não foi muito bem por lá não meu caro…

  31. Maurilio disse:

    Não recebeu notas fantásticas mas ficou com uma média considerada, com BOAS avaliações, basta procurar em alguns sites que você vê notas variando de 7,5 pra cima. Além de uma audiência que lhe garantiu uma nova temporada. Não disse que foi uma grande série, só disse que não cai no gosto brasileiro como cai no americano, por cultura, história etc. Terra Nova, no entanto tem esse “potencial”.

  32. Fábio Vieira disse:

    Muito pelo contrário Adolfo, os extras do DVD e BD de Fringe mostram que os efeitos são dignos de grandes produções. E o que dizer das cenas em que Walter aparece rejuvenescido? simplesmente fantásticas e até hoje, com o baixo, digamos assim, orçamento de Fringe, não notamos defeitos especiais e muito menos efeitos mal finalizados em tela azul, diferente de Terra Nova, até muitos dinos dos documentários do Discovery Channel, que devem ter um orçamento muito, mas muito inferior o desse piloto, são mais críveis e veja bem, o orçamento foi de 20 milhões de dólares, com esse valor, daria sim para eles fazerem bons efeitos especiais.

  33. marco aurelio martins disse:

    é impressionante como vocês desse blog assumem o papel de julgadores de séries que só exibiram um ou dois episódios,considerando a maioria medíocres,justo no momento em que a nata da dramaturgia americana migra do cinema para a TV. De uma hora para outra ,nada presta,como se os realizadores, roteiristas, produtores estivessem saindo da faculdade com projetos medíocres. A opinão de vocês é de caráter pessoal, não serve de guia para ninguém.

  34. Davi Garcia disse:

    Marco, não existe opinião que não seja pessoal. Fora isso, quem foi que disse que aquilo que escrevemos deve ser guia para algúem? Aqui, além da repercussão das notícias, dividimos a visão particular que temos sobre as séries e isso SEMPRE considera gostos pessoais a partir das experiências de cada um. Ninguém é obrigado a concordar com tudo (e nem deveria, penso) porque o espaço está sempre aberto para que surja o debate sadio das ideias e interpretações que cada um tem sobre a série A, B ou C. Sites e blogs que rasgam elogios para toda e qualquer porcaria existem aos montes na internet. O Ligado NUNCA fará isso.

  35. Eu considero enorme o potencial de Terra Nova, e como tem dinossauros estou dando um crédito até maior do que a serie mereça.
    Com relação a opiniões, concordo com o Davi e o Bruno, obvio que as opiniões são pessoais.
    Acredito que com relação as criticas, só temos que tomar cuidado para não fazer a critica pela critica. Não estou dizendo que vocês fazem isso, muito pelo contrário. Mas muitos, na tentativa de não ser somente um site que elogia tudo, resolvem ser críticos que detonam tudo.

  36. Bruno Carvalho disse:

    Bom, marco, leia o histórico deste blog e verá que gostamos e recomendamos muita coisa que é exibida. E se a série só tem um episódio, nossa avaliação e OPINIÃO PESSOAL (não sei de onde tiraram que um blog de comentários seria diferente) será com base no que foi exibido. Se a série melhorar, não temos motivo para não vir aqui e elogiá-la. Por ora, o piloto é fraco e problemático. Essa é nossa OPINIÃO, ok?

  37. é povo, Terra Nova é bem melhor que Falling Skyes, sem dúvida, tem como melhorar se os roteiristas e produtores eliminarem esse lance dos “jovens revoltados que contrariam os pais so por uma vingança boba”. Que chatice, tem tanta série ruím que aborda o mesmo tema… Se essa revolta “teen” fosse ao menos o estilo dos primeiros anos de Skins (original) seria até “passável”. E ainda teve o pecado do fluxo temporal… Seria interessante manter o enrredo no mesmo fluxo de tempo, assim poderíamos ver coisas interessantes no futuro do presente atual ( se é que me entendem). Fora isso, depois de Person of Interest, foi a melhor estréia dessa temporada.

  38. ta pessoal, mas nos não podemos tomar algumas coisas como verdade absoluta. sera que a historia do fluxo temporal é real? porque o filho do cara fugiu? o que ele descobriu? porque o taylor seria assim tão “suave” com os rebeldes

  39. Davi Garcia disse:

    Talvez porque saiba ou acredite que o filho desaparecido os lidera? É uma possibilidade, não?

  40. sim claro, ou o guri sabe que afeta sim a linha do tempo e ficou louco.
    enfim, o bom é saber que aqui a gente tem esta interação legal, que torna mais divertido assistir uma série.

  41. Davi Garcia disse:

    Sempre! Concordando ou não, o bom é discutir as séries :)

  42. Bruno Carvalho disse:

    And yet, se realmente a viagem à Terra Nova afeta a linha do tempo normal, porque o futuro continua daquele jeito a ponto deles continuarem mandando gente para a tal colonização? Acho que eles não se enveredariam por aí, a série me pareceu simplória nesse quesito do paradoxo temporal.

  43. Robson disse:

    Eu pergunto se vcs planejam tb disponibilizar podcast sobre as séries. Obrigado pelo ótimo trabalho que vcs vem desenvolvendo!

  44. Davi Garcia disse:

    Estamos amadurecendo a ideia, Robson. Novidades em breve ;)

  45. Bruno Carvalho :
    And yet, se realmente a viagem à Terra Nova afeta a linha do tempo normal, porque o futuro continua daquele jeito a ponto deles continuarem mandando gente para a tal colonização? Acho que eles não se enveredariam por aí, a série me pareceu simplória nesse quesito do paradoxo temporal.

    justamente porque o passado para o qual estão sendo enviadas as pessoas não afeta o presente pq trata-se de outra linha de tempo.

  46. Bruno Vox disse:

    Uma coisa que quero ver explicada: SE É OUTRA LINHA/FLUXO TEMPORAL, NÃO VAI AFETAR O FUTURO DELES, mas e o futuro daquela linha temporal? Que se exploda?

    :P

  47. basicamente é isso, vai que o futuro dessa linha temporal alternativa tava numa boa, aí então o povo vai milhões de anos no passado e caga geral hein… só de pensar nisso eu do risada uahuhaeuh

  48. Raphael França disse:

    Só eu gostei do episódio? rss Mas enfim, espero que continuem escrevendo sobre a série, gosto de ler os comentários (principalmente do Davi) mesmo sendo eles negativos. Valeu! Abs

  49. issamu disse:

    É como disse, muita gente assistiu esperando ver dinossauros bem feitinhos, e esqueceu que deveria haver uma história.

    Só não entendi o seu terceiro parágrafo. Oras, é óbvio que se não é possível mudar o futuro, eles querem colonizar um mundo novo. E está mais do que claro que estão ‘transportando’ apenas os escolhidos que serão úteis àquela colônia.

    Desculpa dizer isso Bruno, mas só você não viu que o objetivo é mostrar como essa colonização acontecerá.

  50. Vinícius disse:

    Os dinossauros de Jurassic Park foram mais bem feitos do que esses, além de não serem imortais

    Série legalzinha, nota 7

  51. Daniel Marcos disse:

    Olá! Primeira mente sobre os dinossauros ta claro que se fosse a atração da série seria melhor. O próprio Steven Spielberg disse que não quer nenhuma comparação com Jurasc Park e que os dinossauros de Terra Nova são de épocas anteriores a de Jurasc, por isso não deve ser comparado. Considerando tb que o orçamento não é só para os dinossauros neh. Infelizmente essa toda crítica de efeitos acho desconsiderável. Deveriamos nos atentar mais pelo roteiro q diferentement da maioria, acho um ótimo roteiro. Deve-se atentar ao fato de construir uma nova civilização o que é mnt complexo, pois é cercado de mnt vontades e anseios diversos que por parecer simples, é determinante na construção de uma nova sociedade. Fatos esse que foram desprezados pela grande maioria. Resumindo devemos observar a realidade, mas não ela está sendo desprezadas pelos defeitos dos efeitos especiais. Coisas simples como: laranja, a lua, relacionamento familiar, rebeldes, e o grande desafio de usar as pessoas certas pra a construção de uma nova civilização. Uma grande falha q ainda não foi dita é que trata-se do fim do planeta Terra, mas notamos a presença somente de pessoas americanas, cade os outros? Enfim gostei do piloto e já estou ansioso para acompanhar esta série!!

  52. Sandino disse:

    Concordo com praticamente tudo sobre o Review, mas quero deixar apenas um comentário….ou se tem um roteiro bom…e isso só já é motivo pra fazer um série…ou entrega pelo menos “tecnicamente” bom algo. Pelo amor de deus…efeitos péssimos. Não entra na minha cabeça….como a HBO consegue entregar ótimos produtos tecnicamente quase perfeitos…assisti Making of de como foram feito os efeitos de GOT e fiquei de queixo caído, muitas cenas que jamais imaginei que parte dos cenários eram digitais…o problema não é o Croma Key….o problema não é orçamento digamos que mais curto…o problema é não saber fazer. Faça-me o favor…como brinco com alguns amigos…quando vemos quase do tipo….”parece que foi feito no PAINT”

  53. Mandabala disse:

    Realmente um lixo. Não sei o que acontece com Spilberg, assim como em Falling Skies, construiu uma trilha sonora nojenta, que atrapalha as cenas, execesso de melodias chorosas, dramáticas, praticamente um dramalhão. A história é muito boba, deveria passar no Disney Chanel.

  54. Geraldo disse:

    isso, e dai o povo desse futuro descobre o que os caras da outra linha fizeram e fazem o mesmo, cagando no futuro cagado da primeira linha e depois… oh wait

  55. AD disse:

    parabens pela critica, e concordo que tem muito assunto a ser explorado na serie… mas se os proximos capitulos forem como o piloto, não tem outro jeito senão cancelar, pois vai ser um chove e não molha… nota 6.8 na esperança que melhore nos proximos capitulos…

  56. Uri disse:

    Vamos por partes. Primeiramente, a série não é do Spielberg. Não que eu não esteja me decepcionando com ele ultimamente, mas é um trabalho em grupo. Então, por favr, parem de falar que o Spielberg isso, o Spielberg aquilo. A série nem mesmo é criação dele. “Segundamente”, quero deixar claro que concordo que o o piloto foi fraco. Não estou comentando com um “fã de Terra Nova”.

    1. “Não sei o que acontece com Spilberg, assim como em Falling Skies, construiu uma trilha sonora nojenta…” – Cara, SpiElberg não é o gnomo que fez a série inteira. Muito menos a trilha sonora. Essa foi ótima.

    2. É necessário saber que toda série de ficção científica tem uma espécie de “licensa para o absurdo”, desde que não desafie a inteligência do espectador. Em Terra Nova, para mim, que já passei horas e horas lendo artigos e teorias sobre viagem no tempo, paradoxos, etc., foi muito natural aceitar a fala da Maddy (só eu achei esse nome engraçado?). Creio que a superficialidade da explicação não foi por descaso dos roteiristas, mas por que eles já concebem sem esforço a teoria. Foi um desleixo sim, mas não descaso.

    Pontuando: Seriado não, gente. É SÉRIE. Seriado é outra coisa.

    Finalizando: Chroma key muito mal feito. Muitos amadores arrebentam no Chroma key e postam produções de alto nível no youtube. Dinossauros mal trabalhados. Dava SIM para melhorar, pois mexo com computação gráfica e sei que os modeladoresm, texturizadores e animadores podiam ter feito mais. Isso porque, assim como com o Chroma key, já vi freelancers fazerem trabalhos até melhores que o de Jurassic Park (com o perdão de estar comparando as produções).

    Se você leu até aqui, obrigado. :)

  57. Vitor disse:

    Só para os fracassados que ficam criticando a série saberem, Terra Nova é uma adaptação de um dos jogos que revolucionaram o mundo dos games, Dino Crisis! Não sei quem vocês desocupados pensão que são para ficarem falando mau de uma série que só tem 3 episódios, tenho uma novidade para vocês se a série seguir o mesmo destino do jogo ela será infinitamente melhor que aquele lixo que todos elogiam chamado LOST. Não sei o que todos vêem nesse seriado, porque para mim LOST foi uma grande perda de tempo. E tem mais vocês falam que Terra Nova é ruim em efeitos especiais, LOST nem efeito especial tinha direito.
    Terra Nova traz um conceito novo para as séries de televisão, coisa que Folling Skies, e The Wallking Dead estão tentando fazer. Coisas que deram muito certo no cinema, como por exemplo Resident Evil que traz essa história de zumbis até nós. Resident Evil é a té hoje um dos jogos mais aceitos no mundo! E o filme não deixa a desejar. Claro que há varias diferenças entre os jogos e os filmes, mas pelo menos os fãns ficaram satisfeitos.
    Terra Nova tenta trazer aquele velho estilo survivor para as telas, estilos encontrados em Dino Crisis, e Resident Evil, estilo que hoje é um dos mais aceitos no mundo dos Games. Então na minha opinião você Bruno Carvalho tem que se informar melhor sobre os procedentes das séries, pois criticar é fácil e qualquer um pode fazer, mais criar um série inteira em cima de uma ideia e de um jogo é algo realmente difícil e trabalhos.
    Com relação aos efeitos especiais eu realmente achei que ouve uns pequenos descasos com relação a algumas cenas de fundo, mais isso NÃO É O FIM DO MUNDO. Devemos lembrar que o próprio produtor Steven Spielberg (sinto necessidade de chama – lo pelo nome completo pois não sou amigo, e muito menos parente para me referir a ele apenas pelo sobrenome), disse que o foco principal da série não são os dinossauros, mais sim os erros da raca humana que devem ser corrigidos, não que os produtores não devam melhorar esses efeitos, pois para que a série possa melhorar com relação as criticas, e ao publico essas mudanças serão necessárias.
    Notas 9 (não sou tão superficial a ponto de basear minha nota somente nos efeitos da série)

  58. Uri disse:

    Tenta escrever isso em Português. Aí, talvez, concordemos.

  59. […] sobre: American Horror Store, Homeland, Suburgatory, Pan Am, Hart of Dixie, A Gifted Man, Terra Nova, Person of Interest, Ringer, The Playboy Club (cancelada), Prime Suspect, Revenge, Charlie’s […]

  60. Danne disse:

    Opinião é opinião, e ela sempre deve ser respeitada. Não precisamos concordar, mas não precisamos fazer um escandalo por causa disso.
    O Bruno, que escreveu a crítica, não gostou. E colocou para nós a sua opinião de modo muito coerente, diga-se de passagem.
    Cheguei até a rir em algumas comparações com outras séries que são realmente verdadeiras.
    Eu gostei. Acho que é uma série que tem muito pela frente ainda, é só ser bem aproveitada. Senti falta de algo assim desde que Lost terminou. Claro que a série, levando em conta apenas os três episódios, nem se compara ao ótimo seriado que foi Lost. E que fique claro que foi um ótimo seriado na minha opinião, já que muita gente tem uma birra enorme com Lost.

    Parabéns pela review, ficou realmente excelente. E eu pretendo me manter firme nessa série.
    Como alguém disse, depois de Falling Skies não espero muita coisa do Spielberg (e aqui eu preciso deixar um comentário sobre a pessoa que disse que sente a necessidade de chamá-lo pelo nome completo pois não é amigo ou parente: que coisa mais ridícula é essa?).
    Continuando… por mais que eu tenha desistido de Falling Skies no 2º episódio, não pretendo fazer o mesmo com Terra Nova, pois diferente da outra série, acho que essa tem uma coisa a mais, tem uma coisa diferente que eu tava sentindo falta nos seriados. E eu estou aqui torcendo para que dê tudo certo e eles consigam fazer a série alavancar e não ser cancelada tão cedo.

  61. Roberto disse:

    Assim que estiverem dizimados?Tem milhões de anos antes do evento KT.Milhares de vezes o tempo que a humanidade existe como civilização.Eles poderiam ter existido lá por muito tempo, deixados de existir e ninguem notaria sua civilização nesse passado remoto, sendo desnecessario criar universo alternativos temporais.Lost é uma bomba com roteiros cheios de furos(segundo ano em diante).Galactica tambem tinha muitos furos e cenas ridiculas, mas, sabe la como, fez episodios memoraveis.

  62. Roberto disse:

    Assim que estiverem dizimados?Tem milhões de anos antes do evento KT.Milhares de vezes o tempo que a humanidade existe como civilização.Eles poderiam ter existido lá por muito tempo, deixado de existir e ninguem notaria sua civilização nesse passado remoto, sendo desnecessario criar universos alternativos temporais.Lost é uma bomba com roteiros cheios de furos(segundo ano em diante).Galactica tambem tinha muitos furos e cenas ridiculas, mas, sabe la como, fez episodios memoraveis

  63. carlos disse:

    Como eles sabem que não é a linha do tempo deles?Teriam que esperar 80 milhões de anos para procurar qualquer prova que de estiveram lá no passado.E mesmo que pudesse alterar algo por lá, como saberiam no futuro que ocorreu uma alteração(não estou incluindo os paradoxos)?

  64. kleber disse:

    É só perceber os detalhes. Tá na cara que o que o filho do comandante taylor descobriu é que eles estão na mesma linha temporal,e não em um universo paralelo como pensavam. Foi deixado claro no final do episódio que o filho tentou alertar o pai (taylor) e que esse não deu ouvidos. Os sextos também perceberam isso. Talvez seja esse o motivo da discórdia com os sextos.
    Os Dinossauros não são a prova de balas, as armas que estão sendo utilizadas pela equipe da Terranova são sônicas nas torres da base e de tranquilizantes pela equipe de resgate dos jovens. Os únicos que usaram balas foram os sextos e os jovens que usaram as armas deles abandonadas nos carros.

  65. Zé das Couves disse:

    O que eu sinceramente não entendo é a quantidade de comentários pra uma série que já começou com tantos “problemas”: interpretações caricatas, “mistérios” jogados ao ar de forma nem um pouco sutil, conflitos surradíssimos (de gerações, eles vs outros, etc.). Nem vou criticar muito os gráficos, não achei tão ruim (tava melhor que o submarino de Lost submergindo… hehehe). Mas achei o piloto muito fraquinho de modo geral. Até vou dar uma chance.

    Mas… e Fringe, que está absurdamente excelente? Tem meia dúzia de comentários! Vai entender…

  66. Davi Garcia disse:

    Também me pergunto isso, Zé. Ontem vi o 4o episódio de Terra Nova e quase dormi de tão chato. Minha paciência com a série tá perto do fim.

  67. Rodrigo disse:

    Curto de séries de ficção como Star Trek, Fringe, outros, mas “Terra Nova” me decepcionou, desde o primeiro episódio…

    Os quatro episódios dá para reeditar e fazer o piloto! Sério!

    Sou professor de cinema e Diretor de Fotografia, escrevo roteiro… acreditem sei o que estou dizendo!

    Os efeitos para o nível de Steven Spielberg… francamente está de baixa qualidade, mas como dito anteriormente, o foco não é nos dinossauros, mas nas personagens.
    O diálogo é fraco, os personagens são batidos (clichês)
    É concordo com você “Minha paciência com a série tá perto do fim.” completo já está no fim!

    Rodrigo

  68. Rodrigo disse:

    Isso mesmo!

  69. Rodrigo disse:

    Livro – 2001: A Space Odyssey de Arthur C. Clarke

    ————————————

    O filme:2001: A Space Odyssey (2001 – Uma Odisséia no Espaço
    dirigido e produzido por Stanley Kubrick

  70. Rodrigo disse:

    Outra coisa… Salvar a “humanidade”?

    Ou eu estou doido e não prestei atenção…

    Ou são só os “americanos” dos USA é que são salvos?

    Ha ha ha como disse Hugo Chávez presidente da Venezuela: É coisa do “imperialismo americano”…

  71. Cristiano disse:

    Não tem mais como ter paciencia com “terra nova”
    serio. episodios chatos, horriveis.
    um bom exemplo disso é minha mãe que assiste tudo
    quanto é de “filmes lixo” que passa tv não quer mais
    assistir ela…
    e sobre o debate dos com relação aos graficos
    só esta acontecendo porque a estoria é fraca
    se não fosse por isso seria a apenas um mero detalhe.
    e outra odeio series que fazem o “capitulo do dia”
    sem relação com o epi anterior(ta certo o que acontece com a familia do Shannon é lembrado o que piora pois são temas chatos ;/).
    enfim concordo que é INJUSTO ter mais comentarios aqui do que em todos(?) os reviews epi de Fringe junto, mas acredito que seja pelo fato de alguns gostarem e outros não enquanto fringe alem de ser
    incrivel quem não gosta não comenta.

    uhuh ele voltou(sobre fringe :p)

  72. Armando disse:

    Meu filho de dez anos fez o seguinte comentário: Porque mandar as pessoas para a época dos dinossauros se logo mais cairá uma meteoro para exterminar todos, incluindo a nova civilização.
    Espero que alguém do roteiro tenha pensado nisso.

  73. AdvisSjet disse:

    Peralá! Terra Nova, pra uma produção de tv, tem efeitos especiais razoaveis, pelo menos para uma produção de sci-fi, tipo Galactica. O roteiro é tipico pra canal aberto, pra toda familia. Isso pode ser um ponto positivo pra uns e negativo pra outros, talvez o principal motivo pra tantos dialogos expositivos. Mas a idéia é boa, tem força pra muitos episódios e, como se disse lá em cima nos comentarios anteriores, o tempo pra onde foram é muito distante da origem da humanidade. Quem já viu o History channel sabe que muita coisa pode sumir (O Mundo sem Ninguem) e pouca coisa sobrevive ao tempo. Acho isso um dos motes interessantes para serie, entre outros. E pra quem esta de mimimi com os dinossauros ruins é por que nunca viu Dino Dan!

  74. Sabugo disse:

    Na minha modesta opinião, o primeiro episódio foi promissor, mas depois que vão para o passado foi um desastre, aquela briguinha entre os sextos e os outros é ridícula, os caras estão a “trocentos anos atrás” em um lugar selvagem cercado de dinossauros e ainda dá tempo em pensar em intrigas ou disputas pelo poder, ficou parecendo briga de gangues, e teve aquele episódio em que os adolescentes rebeldes fogem por um buraco na cerca e vão para o meio do mato tomar umas e outras no meio dos dinossauros foi ridículo, a partir daí desisti da serie. Prefiro assistir o ELO PERDIDO.

  75. Mayra disse:

    Acredito que quem escreveu a crítica tenha errado completamente o foco do seriado. O que não lhe tira a razão e é entendível o porque da reclamação geral de tanta gente. O foco não é as questões políticas ou ambientais, mas a família Shannon vivendo estas mudanças, eles são o foco. Resolvi ignorar completamente a crítica dos CG, mas a série tem um típico formato sci-fi, seguindo os moldes de Stargate/Stargate Atlantis/Star Trek, etc, um causo a cada semana e uma história de plano de fundo se desenrolando. Talvez eu tenha gostado por ter assistido episódios mais para frente antes de voltar e ver o primeiro. mas os personagens são carismáticos e as histórias são despretensiosas.

  76. Anônimo disse:

    Hummm, para mim terra nova está sendo uma decepção total…
    Eu até gosto dos formatos dos episódio(história começa e acaba no mesmo capítulo)…

    Eu como fã de dinossauros tive duas grandes decepções:
    1- Os efeitos especiais que para mim estão umas 10x pior que Jurassik Park 1…
    2- O pouco foco que a serie esta dando sobre os dinossauros, mal aparece dinossauro, e o pior é que quando aparece e muito mal feito, fiquei abismado com a pescaria do episódio 8…

    PS: Detestei eles terem feito os Sextos… Pra mim, desnecessário…

    Valew amigos, minha opnião!!

  77. Anônimo disse:

    Ah, e respondendo a alguns comentários acima.

    1) O meteoro vai cair 20 milhões de anos depois.. Se levar em consideração o tempo de existência humana atualmente, eles tem MUITOOOOOOO tempo pra pensar…

    2) Quanto a reclamação do amigo sobre USA. Bom, penso eu que é um seriado americano, claro que eles não vão ficar preocupados com os outros países, nem tem essa obrigação… Que o brasil produza sua “Terra Nova”…

    =)

  78. … [Trackback]…

    […] Read More: ligadoemserie.com.br/2011/09/terra-nova/ […]…

  79. Carlos disse:

    Voces são um bando de pobres e metidos a bestas, exigtentes e malditos!!! term que tudo morrer ralézada… e ter mais paciência pois a série melhora, e do 5 em diante a estória pega um rumo muito doido, então lamento se voce foi merda o bastante para não ter paciência de ver e se surprender!

    Fábio Vieira :
    Eu criticava ferrenhamente Fringe e seus dois pilotos, o que vazou e o oficial (com cenas modificadas), mas via potencial nela, pois era sombria, com ótimos efeitos e personagens. Criticava também seus primeiros episódios, mas depois a série só melhorou e hoje ela é uma das, se não a minha série favorita de todas que acompanho, e olha que acompanho muitas. Star Wars Clone Wars é outro exemplo, começou super infantil (ainda tem algumas partes assim), com efeitos ruins, animação capenga, texturas mal feitas e pensei em desistir, mas depois de alguns episódios, essa melhorou drasticamente, tanto na animação quanto nas histórias e hoje é uma série infantil-adulta (se é que esse termo existe).
    O problema é que hoje, não temos mais aquela vontade de nos empenharmos em uma série com um piloto fraco, imaginando que ela poderá melhorar e não ser cancelada, hoje tudo é motivo para cancelar uma série, como um amigo disse, se Arquivo-X fosse feito hoje, não passaria dos 13 episódios. Exemplos de pilotos excelentes e séries fracas, pra que melhor que Flash Foward? que todo mundo ficou maluco com o piloto? (eu inclusive), mas que a série ficou tão ruim, tão fraca, que muitos desistiram após poucos episódios? (eu inclusive) e o que falar de Heroes? piloto excelente, primeira temporada excelente, season finale fraquíssimo e cheio de buracos, e dai, só pra pior? e tinha um grande potencial e durou muito, até hoje ninguém sabe como durou tanto.
    Terra Nova pode ter coerência na relação do falso paraiso, mas é totalmente incoerente com relação ao assunto viagem no tempo, se é pra criar uma nova civilização, porque então não trazem logo todos os cidadãos? aos poucos? e não um punhado de pessoas? ser humano é ser humano.
    Infelizmente escolher uma série achando que ela irá durar é uma loteria, e eu não estou mais disposto a apostar nisso, pois já perdi muito em séries ótimas que não agradaram a todos.
    Assim como o Davi, não desisti de Terra Nova, mas como disse, ela não será minha prioridade. Person of Interest me atraiu mais.

  80. Giuliano disse:

    Bruno Carvalho :
    Adolfo, o piloto de uma série precisa vendê-la a todo custo, assim como os primeiros minutos de um filme. Se o piloto falha em todos os aspectos abordados na review, já é uma indicação de que a série seguirá com estes problemas. Não se trata de “má-vontade”, mas de uma análise objetiva do piloto, com tudo que foi apresentado. Se a série teve problemas, troca de produtores, diversos tratamentos de roteiro e atrasos, não podemos simplesmente relevar o que está na tela em vista disso.
    Como falo em toda análise de piloto, se a série apresentar melhora considerável, seremos os primeiros a vir aqui e consignar tudo isso.

    bom eu discordo de vcs

  81. Sites We Like…

    […]just below, are some totally unrelated sites to ours, however, they are definitely worth checking out[…]…

  82. UOLF disse:

    Ruim de mais, um roteiro digno de um adolescente sem experiencia nenhuma escrever a partir de uma ótima idéia (argumento), uma porcaria!!!, se não mudar nada vai ser sofrível acompanhar esta série. Posto este comentário após ver 12 capitulos da mesma.
    O pior dela é a família Shanon…. Cliche de personalidade puro!! não sei se os atores são ruins ou o roteiro…

  83. […] osmond st louis cardinals beavis and butthead cardinals jennifer nicole lee jennifer nicole lee chris harris This entry […]

  84. Thanks for that excellent publish. I��ll take the notes you��ve written….

    Thanks for that excellent publish. I��ll take the notes you��ve written….

  85. YSL Bag disse:

    Funny, I used to be discussing this issue with my older sister the other day, now I’ll have one particular additional argument in my hand when it��ll appear to confrontation the moment yet again….

    This write-up may perhaps be described on Twitter by somebody. definitely?…

Deixe uma resposta

ss