Crítica | How to Get Away With Murder

Read Time:2 Minute, 18 Second

awaymurder

TGIT. As quintas-feiras da TV norte-americana agora são dominadas por Shonda Rhimes. A criadora dos sucessos Scandal e Grey’s Anatomy produz este novo drama jurídico criado e escrito por Peter Nowalk. How to Get Away with Murder combina mistério, homicídio e romance, protagonizada por Viola Davis (The Help, Prisoners), premiada atriz indicada ao Oscar e Globo de Ouro. Annalise Keating (Davis), professora de Direito em uma famosa universidade da Filadélfia, é responsável pela disciplina de Introdução ao Direito Penal, também conhecida como “how to get away with murder” (como cometer um homicídio e sair impune). Ao apresentar um caso real, ela desafia seus alunos a encontrar a melhor defesa para sua cliente, e o prêmio é um estágio em sua prestigiada firma. Entre os estudantes estão Michaela, Wes, Laurel e Patrick. Wes (Alfred Enoch) é um estudante esforçado que conseguiu uma vaga na aula graças a uma lista de espera e precisa provar mais do que ninguém que merece estar ali. Connor (Jack Falahee) se mostra disposto a qualquer coisa para conseguir o que quer, e Michaela (Aja Naomi King) é a típica aluna aplicada e esforçada, que idolatra a professora. Destaca-se para o elenco diversificado, o que é cada vez mais raro em produções norte-americanas.

howtogetawaycast

Deste grupo principal, o piloto não aborda muito a personalidade de Laurel (Karla Souza), mas talvez isso seja devido à própria personalidade da personagem, que é mais fechada e menos sociável que os colegas. Ao longo do capítulo, vemos cenas atuais e flashbacks. Enquanto estes se encarregam de apresentar os personagens e mostrar como suas vidas se cruzaram, nas cenas atuais o clima é outro: quatro alunos em pânico após terem supostamente cometido um crime contra à vida de um personagem-chave na série. É aí que está o ponto principal da trama, o crime tem a ver com a professora e veremos se eles vão por em prática tudo aquilo que aprenderam em sala de aula. Fora do núcleo principal, há também uma história paralela de uma aluna da faculdade que, depois de um tempo desaparecida, é encontrada morta. Pelo que podemos ver no piloto, seu namorado é um popular jogador de futebol americano da universidade, e isso com certeza não é por acaso. Além disso, a vizinha de Wes, vivida por Katie Findlay (The Killing, The Carrie Diaries) é uma jovem rebelde que aparece por poucos minutos, mas parece ter um papel importante, que deve ser revelado em breve.

A série parece ambiciosa e os personagens são bem apresentados. A sensação que fica ao final deste começo de How to Get Away with Murder é de curiosidade, para saber como aqueles mistérios vão se desenrolar.

4star

O drama estreia no Brasil em 2015 pelo canal Sony.

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleppy
Sleppy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

3 thoughts on “Crítica | How to Get Away With Murder

  1. Achei a ideia da série interessante, mas ao assistir ao primeiro episódio eu acredito que possivelmente desistirei no segundo. Os alunos são aquela “receita” de estagiários/estudantes, super caricatos. E a cena em que a Viola aprece chorando é muito canastrona! Eu curto flashbacks, mas prefiro uma coisa mais bem montada, como era em Damages. Enfim, mais uma da Shonda, né? Quem sabe não troco Scandal (que foi dureza de ver nessa última temporada) por essa, então? rs

  2. Eu também não gostei muito não… não vou pro segundo…

    Achei mais do mesmo.. Nada de novidade pra me prender a audiência.

  3. Esperava muito do episódio, primeiro por ser da Shondanás ( pegou fama, já é dela kkkkkk ) e segundo pq sou uma futura aluna de direito e tudo que é voltado para essa area me fascina…Então fui cheia de expectativas e a série simplesmente sambou nelas kkkkkkkkkkkk

    Amei Todos os Personagens…Um amor maior pelo Frank ♥

    Bonnie a loirinha sócia de Vai – ôla tem, quer ter ou terá algo com Sam o marido de Annalise

    Minha teoria é de que o Wes ( Ex Dino de HP ) matou o Sam com um Avada Kedrava …

    Frank e Laurel….hummmm

    Medo de professores que fazem perguntas nominalmente o/

    Creio q tudooo vai girar em torno da estudante morta Lila Stangard, ela apareceu demais no Pilot para não estar relacionada…Creio que o marido de Annelise matou ela e ela sabe ( aquela conversa de acho que foi o namorado pode se entender de duas formas : 1 – o namorado lá que vai na casa da barman ou 2 – O Sam, pq acho q a garota era amante dele…)

    Amei os flashfowards,não que a série precisasse deles para ser boa, mas para mim só acrescentou a ela…

    E o melhor de tudo é que já foi dito que vamos descobrir tudo o que aconteceu naquela noite antes do fim da Temporada….que só vai ter de 13-16 episódios, o que é muito bom…pois não vão arrastar este plot eternamente. o/o/o/o/o/o/

    Vai – ôla ( Guitarra e Bateria ) chegou arrasando…!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Shondinha veio com sede de sangue, já matou dois logo no Pilot kkkkkkkkkkkkkkk

    Já quero mais !

Deixe uma resposta

ss