FOTO: REPRODUçãO

Por: Redação Ligado em Série

The Simpsons: 25 anos de sarcasmo e maus exemplos (que a gente adora)

simpsons25

Foi no dia 17 de dezembro de 1989 que a disfuncional família amarela de Springfield fez sua estreia televisiva. Provavelmente ninguém imaginava que ficaria no ar por tantos anos e que se fixaria da forma que se fixou na cultura pop. Entre os inúmeros motivos do sucesso da série está o “chefe” preguiçoso e pouco inteligente da família, Homer, que fez com que a América e o mundo se enxergasse um pouco nele e aprendesse a rir de si mesmo.

O humor politicamente incorreto e a ousadia de uma animação em tocar em assuntos polêmicos também contribuíram para a construção de uma fiel base de fãs, assim como a incorporação e releitura dos mais diversos assuntos, como política, cultura pop e celebridades (diversas bandas, jogadores de futebol e atores tiveram participações especiais), fizeram com que The Simpsons se transformasse em uma série mais do que prazerosa para quem adora caçar referências (um dos maiores exemplos disso são os episódios especiais de Dia das Bruxas, que têm o nome de Treehouse of Horror) e ainda abrisse as portas para outras animações que viriam (South Park e Family Guy, por exemplo).

Outra característica marcante da série é a famosa couch gag, o momento final da abertura em que a família se reúne em frente à TV e que sempre é diferente. Abaixo vocês podem ver uma compilação desse trecho, que vai das temporadas 1 a 5. Além disso, é comum que The Simpsons faça aberturas inteiramente especiais, fazendo releituras de filmes e séries, como aconteceu com The Hobbit, ou convidando alguém para essa recriação (como o cineasta Guillermo del Toro).

É muito difícil (na verdade, quase impossível), tentar elencar os melhores momentos de uma série que está completando 25 anos. Por isso estamos reunindo alguns dos péssimos conselhos e maus exemplos que são tão característicos de The Simpsons para celebrar esta data. Aproveitem!

Para começar, uma liçãozinha básica para poupar o trabalho:

Simpsons_ Homer2_

Como distorcer o significado de uma frase a seu favor:

Simpsons Bart

A arte de não agradecer:

Simpsons bart_burns

Responsabilidade no trabalho é fundamental:

Simpsons Chief

A vida sem eufemismos:

simpsons slaughterhouse

Caso o fim do mundo chegue:

simpsons armaggedon

A verdade sobre o vício:

Simpsons cigarro

Bullying: pode sim.

simpsons dance

A publicidade como ela é:

Simpsons Duff

Sempre tem alguém para fazer você se sentir culpado:

simpsons flanders

E sempre tem alguém que não liga nem um pouco.

simpsons homer

Como tratar os outros com superioridade:

Simpsons Homer3

Valorize sempre a lei do menor esforço:

Simpsons Homer 4

Os fins justificam os meios.

simpsons homer duff

Animais psicopatas também vale. Encarnando Tarantino, mais ainda.

Simpsons Itchy Scratchy

Comida saudável é supervalorizada.

Simpsons salada

(Des)motivação

Simpsons Homer 5

Tudo é motivo para sacanear o seu arqui-inimigo:

Simpsons Homer 7

Nada mais lindo do que o ódio que une as pessoas.

Simpsons Skinner

Como ser um péssimo pai:

Simpsons Realidade

Péssimo MESMO:

Simpsons pai

Mr. Burns aprova!

Simpsons mr burns

Parabéns, turma! Podem comemorar. :-D

simpsons-sofa

simpsons dancing

Uma resposta para “The Simpsons: 25 anos de sarcasmo e maus exemplos (que a gente adora)”

  1. MatheusMnhz disse:

    Hehe, nem vejo Simpsons, mas curti demais o post, sucesso

Deixe uma resposta

ss