FOTO: SHOWTIME

Por: Allan Verissimo

Shameless: Emmy Rossum exige o mesmo salário de William H. Macy na oitava temporada

FOTO: SHOWTIME

O futuro de Shameless está ameaçado. A atriz Emmy Rossum (O Fantasma da Ópera, O Dia Depois do Amanhã, Dragonball Evolution) está envolvida em um impasse com a emissora Showtime a respeito do seu cachê. De acordo com fontes do The Hollywood Reporter, Rossum não estaria apenas exigindo um salário idêntico ao do co-protagonista William H. Macy (Fargo): ela quer um pagamento por episódio maior do que o cachê de Macy, como compensação pelo fato de ter recebido menos do que o colega nos anos anteriores, apesar de ambos terem a mesma importância para a trama.

Shameless é uma “dramédia” (e remake de uma série britânica que durou onze temporadas) que conta a história dos Gallaghers, seis irmãos (a maioria menor de idade) que precisam lidar com a sobrevivência e com o seu pai bêbado e incompetente, Frank (o personagem de Macy). Recentemente, Macy renegociou seu acordo para a oitava temporada (que vale lembrar, ainda não está oficializada) com um aumento que o coloca no alto escalão dos dramas de TV a cabo. Porém, há um consenso entre os fãs de que Fiona (a personagem de Rossum) sempre foi a verdadeira protagonista da série, enquanto Frank é mais relegado ao papel de alívio cômico. Fiona é a filha mais velha de Frank, e encarregada de manter a segurança e o futuro dos seus irmãos menores. Isso contrasta com a versão britânica, na qual Fiona (Anne-Marie Duff) foi regular apenas nas duas primeiras temporadas e recorrente na 11ª temporada, ao passo que Frank (David Threlfall) fez parte do elenco fixo durante toda a série.

Ainda de acordo com as fontes do Hollywood Reporter, se Rossum fechar o acordo, a produtora Warner Bros Television também terá que renegociar os cachês com o resto do elenco principal, incluindo Jeremy Allen White (Lip), Cameron Monaghan (Ian) e Steve Howey (Kevin). E é aí que surge o grande problema: se Rossum NÃO conseguir fechar o acordo, ela deixará a série, e a Showtime terá que escolher entre renovar Shameless sem uma de suas personagens principais ou optar pelo cancelamento.

Shameless sempre teve bons índices de audiência e costumava estrear em janeiro. Em 2016, a Showtime exibiu duas temporadas, uma em janeiro e a outra em outubro, para compensar a ausência de Homeland (que acabou sendo adiada para o início de 2017). Além disso, Shameless também costuma ser lembrada nas premiações, incluindo o Emmy (Macy já recebeu três indicações consecutivas à Melhor Ator em Comédia).

Vamos torcer para que tudo seja resolvido em breve.

Deixe uma resposta

ss