FOTO: NETFLIX

Por: Allan Verissimo

Glow: segunda temporada já está sendo planejada

FOTO: NETFLIX

Glow estreou na Netflix em 23 de junho, com uma boa recepção da crítica. Em entrevista ao site The Hollywood Reporter, a co-criadora Liz Flahive (Homeland, Nurse Jackie) deixou claro que a primeira temporada foi exclusivamente focada na origem dos personagens, e que há muitas outras histórias sendo planejadas para o futuro: “Foi definitivamente intencional. Nós pensamos com a temporada moldada desde o início, e isso ajudou“. Porém, sua colega, a co-criadora Carlyn Mensch (Nurse Jackie, Orange is the New Black, Weeds), complementou que elas ainda não definiram um número especifico de temporadas em mente, apesar da produção original na qual a série se baseia ter exibido quatro temporadas (entre 1986 e 1990).

A primeira temporada de Glow conta a história fictícia de Ruth Wilder (Alison Brie, Community, BoJack Horseman), uma atriz fora do mercado e batalhadora nos anos 80 em Los Angeles, que encontra uma última chance para o estrelato, ao entrar no mundo de glitter e collants das mulheres da luta-livre. Além de trabalhar com 12 desajustadas de Hollywood, Ruth tem que competir com Debbie Eagan (Betty Gilpin), ex-atriz de novelas que deixou o mercado para ter um bebê, apenas para seu sugada de volta ao trabalho quando sua vida perfeita não é mais o que parece. E no comando disso está Sam Sylvia (Marc Maron), um diretor de filmes-B quebrado e que agora precisa liderar esse grupo de mulheres em uma jornada pelo estrelato da luta-livre.

Deixe uma resposta

ss