FOTO: ROCK IN RIO

Por: Bruno Carvalho

Com o Rock in Rio, NET e Claro ampliam testes da tecnologia 4K

NET e Claro começaram a ampliar testes com a tecnologia 4K, também denominada Ultra HD (UHD), e que permite resolução de 3840 x 2160 pixels, ou seja, quatro vezes o formato Full HD 1080p. Através de uma parceria entre as operadoras e o canal Multishow, o Rock in Rio está sendo captado e transmitido no formato para clientes que foram convidados para avaliar a funcionalidade.

O Ligado recebeu em regime de comodato um decodificador da NET em 4K para testes. As imagens, claro, são espetaculares. A transmissão ocorre entre 15 e 24 de setembro, mas ainda em caráter experimental. Veja abaixo o comparativo dos formatos em termos práticos:

FOTO: SONY

A empresa não tem previsão de disponibilizar a tecnologia para contratação por consumidores e não informou se haverá custo adicional, tal qual ocorreu na transição do SD (720p) para o HD (1080p).

Segundo as operadoras NET e Claro, suas redes já estão prontas para entregar a tecnologia:

“Para transmitir em 4K, os recursos de rede e a banda exigidos também se multiplicam, por isso é necessário alta tecnologia e capacidade de entrega. Nossa rede está pronta para a evolução da TV, tanto na fibra da NET como no satélite da Claro HDTV, com cobertura em todo o Brasil”, conta Marco Dyodi, diretor de Marketing da Unidade Mercado Residencial da Claro Brasil.

A demora na popularização do formato se dá em virtude da baixa oferta de conteúdo Ultra HD pelos produtores e canais lineares. Hoje apenas algumas atrações, a maior parte da Globo e Globosat, são produzidas, captadas e distribuídas neste formato e de forma bem pontual.

Certo é que a adoção do 4K segue num ritmo muito mais lento que a HDTV. Outro fator a ser considerado é o preço dos televisores preparados para a tecnologia Ultra HD/HDR que ainda são superiores aos dos modelos em alta definição padrão.

O que vai ditar o crescimento do formato é a união dos três fatores: produção, distribuição e facilidade do consumo final do conteúdo, o que ainda pode demorar alguns anos.

As transmissões geradas pelo Multishow começaram às 11 horas do dia 15 e irão até o último show do Rock in Rio no dia 24 de setembro. Serão mais de 70 horas de transmissão ao vivo. Esta é a terceira vez que NET e Claro HDTV realizam a transmissão de um grande evento ao vivo em 4K. A primeira foi durante a Copa do Mundo, em 2014, e a segunda no ano passado, nas Olímpiadas do Rio – ambas em parceria com a Globosat e também em fase de testes.

Deixe uma resposta

ss