FOTO: HULU

Por: Bruno Carvalho

The Handmaid’s Tale já tem canal no Brasil, mas estreará só em 2018

Acabou o mistério: o Paramount Channel acabou de anunciar a aquisição dos direitos de transmissão da série vencedora do Emmy 2017, The Handmaid’s Tale! Sites chegaram a anunciar que a produção do Hulu seria trazida pela FOX Premium, que depois negou estar em negociações com a plataforma de streaming e a MGM. A estreia da 1ª temporada, contudo, acontecerá somente em 2018, perdendo o canal o ótimo momento de estreá-la após sua consagração no maior prêmio da TV na noite de ontem.

FOTO: HULU

Baseada no best-seller de 1985 de Margaret Atwood, The Handmaid’s Tale se passa em um momento pós atentado terrorista, no qual o Presidente dos Estados Unidos e uma grande parte dos outros políticos eleitos são mortos e uma facção católica toma o poder com o intuito declarado de restaurar a paz.

O grupo transforma o país na República de Gilead, instaurando um regime totalitário baseado nas leis do antigo testamento, retirando os direitos das minorias e das mulheres em especial. Em meio a isso tudo, Offred (Elisabeth Moss, de Mad Man) é uma “handmaid”, ou seja, uma mulher cujo único propósito em vida é procriar para manter os níveis demográficos da população, que sofre com uma infertilidade em massa. Na sua terceira atribuição, ela é entregue ao Comandante (Joseph Fiennes, FlashForward), um oficial de alto escalão do regime, e a relação sai dos rumos planejados pelo sistema.

The Handmaid’s Tale foi a melhor série do ano até agora e projetou o site Hulu ao destaque dentre as plataformas de streaming por ter o primeiro drama vencendo a categoria mais concorrida do Emmy, batendo a Netflix e a Amazon Prime Video. A produção foi indicada a 13 Emmys e já está renovada para a 2ª temporada.

  • Sandro Duarte

    Depois o pessoal pirateia e eles acham ruim, né? Não dá pra entender…

  • Elisabeth

    Não dá mesmo, Sandro. Se a série acabou de ganhar um prêmio, como anunciar a estréia daqui a, no mínimo, três meses?!

  • klaus

    Comecei a ver nesse findi. Muito boa e interessante e, ao mesmo tempo, perturbadora.

ss