FOTO: NETFLIX

Por: Bruno Carvalho

Louis C.K. sobre acusações de assédio sexual: “é tudo verdade”

Hoje o ator, produtor e comediante Louis C.K., em resposta à matéria publicada no jornal The New York Times, veio a público admitir que as denúncias recebidas por pelo menos cinco mulheres são verdadeiras. Há alguns meses, ele havia classificado os relatos como “meros rumores” e evitava falar do assunto quanto questionado.

Em múltiplas ocasiões, C.K. simplesmente tirava o pênis das calças e começava a se masturbar próximo a mulheres em quartos de hoteis, bastidores de shows e até durante a gravação de um piloto de série para a TV e fazia elas olharem o ato.

Mesmo recusando aos avanços do comediante, as mulheres alegavam que ele ia lá e fazia assim mesmo.

Veja a declaração de Louis C.K.:

“As histórias relatadas [no The New York Times] são todas verdadeiras. Na época eu achava que não era um problema fazer o que eu fiz porque eu nunca havia mostrado meu pênis pra mulher alguma sem pedir antes, o que também é verdade. Mas eu aprendi adiante na vida, tarde demais, que quando você exerce poder sobre outra pessoa, pedir pra ela olhar pro seu pênis não é o cerne da questão. É embaraçoso pra elas. Eu tinha poder sobre essas mulheres porque elas me admiravam e eu usei desse poder de forma irresponsável.

Eu aprendi ontem que deixei estas mulheres que me admiravam se sentindo mal sobre elas mesmas e sobre outros homens que nunca as colocariam nessa posição. Eu abusei da vantagem de que eu era admirado na minha comunidade, o que as impediu de compartilhar a história e trouxe pesar a elas porque as pessoas que gostam de mim não queriam ouvir isso. Eu pensava que estava fazendo nada de errado porque eu não precisava pensar a respeito. 

Eu não me perdoo por nada do que eu fiz e eu terei que reconciliar isso com relação a quem eu sou, o que não se compara com o que fiz com elas”.

C.K. se desculpou também com os profissionais das séries que ele produz em parceria com a FX Productions e que foram impactados pelas suas ações agora que a história veio à público, incluindo o elenco de Better ThingsBaskets do FX, The Cops da TBS, One Mississippi da Amazon e de seu filme I Love You, Daddy, cuja première, e agora o lançamento, foram cancelados.

Ele completou ao fim de sua declaração:

“Eu trouxe dor à minha família, amigos, às minhas filhas e à mãe delas. Eu passei minha carreira longa e sortuda dizendo o que eu queria. Agora darei um passo atrás e separarei um bom tempo para ouvir”.

Uma resposta para “Louis C.K. sobre acusações de assédio sexual: “é tudo verdade””

  1. Adolfo Brás Sunderhus Filho disse:

    Que tipo de ser humano pode sequer cogitar que isso é algo aceitável e possível de ser feito????

Deixe uma resposta

ss