FOTO: HBO

Por: Bruno Carvalho

Last Week Tonight: “Golden Shower” de Bolsonaro vira chacota internacional

O Last Week Tonight desta semana voltou a dedicar tempo para falar sobre o Brasil. Normalmente, o programa é mais focado em questões e políticas internas norte-americanas, incluindo os diversos escândalos do governo Trump, percorrendo acontecimentos no mundo de forma mais sucinta. Isso não impediu, claro, que o programa abordasse casos notórios no Brasil, como a corrupção endêmica na FIFA que explodiu durante a Copa 2014, o caso da Lava Jato com duras críticas a Dilma Rousseff e, claro, as recentes eleições brasileiras.

O motivo desta vez é torpe e, claro, tem a ver com o infame Tweet de uma cena grotesca, explícita e isolada em um bloco de carnaval, como se isso simbolizasse todo o evento. John Oliver fez uma leitura precisa do ocorrido em seu segmento, assista:

Oliver comentou que o ataque do presidente ao evento vem após as diversas demonstrações de desaprovação do seu governo no evento popular e as diversas manifestações contrárias. O apresentador apontou, ainda, o fato de que o boneco do presidente em Olinda foi alvo de vaias e copos de cerveja, enquanto o de Michael Jackson – na semana da exibição do documentário Leaving Neverland pela própria HBO – estava lá intacto (Oliver também não poupou críticas ao músico falecido e até mesmo a R. Kelly, também alvo de um documentário sobre abusos). O Last Week Tonight é exibido todas as segundas-feiras às 21h na HBO.

Os comentários estão desativados.

ss